terça-feira, 17 de agosto de 2010

Furacão

Hoje estou a viver uma dor tão intensa, tão forte que nem em pé estou conseguindo parar.

"Sossegue. Não confia? Estamos a seu lado. Não tema. Permaneça serena. Tudo se resolverá sem que você precise lutar. Realmente o coração dói. A dor da maldade. Existem pessoas muito estúpidas. Precisamos aprender a lidar com elas. Fique quieta. Ouça, se dê tempo. Você está querendo fugir de certas dificuldades da vida. O que torna a vida difícil é não queremos viver o que temos que viver.
Ponha na sua cabeça que certas coisas são inevitáveis. É como arrancar um dente. Temos que sofrer a dor para nos libertarmos. O homem livre é aquele que não escolhe o que viver. Vive tudo que a vida lhe oferece. Sem querer evitar, sem fugir, acolhe e enfrenta. Abre o peito e arregaça as mangas. É assim.” (Jeremias Horta).

Um comentário:

*Carol Carolina* disse...

Na dor é quando somos mais fortes, minha mãe sempre me disse isso, e eu sempre duvidei....

mas acredito que seja real.
e tb na dor é que crescemos, aprendemos e transformamos tudo em nós.


seria bom se pudesse ser sem dor alguma né mesmo!?

beijokas, fica bem