sexta-feira, 6 de maio de 2011




É curioso e triste ver a busca desenfreada das pessoas por remédio.
Ele pode ajudar em muitos casos, sim.
Mas infelizmente ele não resolve.
E não vai resolver.
E então camará? Como é que faz?
Cada um sabe de si. E nada melhor de que o próprio sujeito dizer sobre o que o aflige e sobre o que ele próprio pode fazer por si.

“VLADIMIR - Eis aí um homem de uma peça que a toma por seu calçado, quando a culpa o tem o pé.” Esperando Godot, Samuel Beckett

4 comentários:

S* disse...

O principal remédio tem de estar na cabeça.

A.S. disse...

Também gosto de produtos naturais e uma massagem localizada na zona afectada...

Beijos!
AL

A Escafandrista disse...

O fenômeno como é vivido pelo sujeito, sem pré-julgamentos, a suspensão dos conceitos, ouvir sem julgar e compreender a realidade singular. Faz sentido pra ti? Fez todo o sentido pra mim quando li o teu texto. Bjs.

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Tudo começa na nossa cabeça! ;)