sábado, 8 de maio de 2010

O amor



“Na origem, os homens eram dotados de órgãos duplos. Eram extremamente ágeis e ousados. De tanta ousadia, que resolveram, certa vez, atacar o próprio Olimpo. Os deuses, enfurecidos, resolveram vingar-se e os homens foram separados em duas metades. O amor nasceu daí: é a eterna procura, o eterno desejo que os homens sentem de procurar a outra metade que um dia perderam. Quando alguém a encontra, encontra também a felicidade.” O Banquete - Platão

2 comentários:

Mariana disse...

Acho lindo tudo isso. Gostei de ler.
Passei aqui tbm para te abraçar. Te abraço sempre de longe. Desse jeito assim, gosto um tanto de você. Bom domingo...

Mariamma Fonseca disse...

Ei carol! Tá lindo seu blog! Qual seu twitter menina?! Bjos!